Os brasileiros são os mais afetados por ataques de phishing no mundo. De acordo com um levantamento realizado pela empresa de segurança Kaspersky, o Brasil aparece em primeiro lugar na lista com maior número de vítimas até novembro desde ano.

Ao todo, 28,3% dos internautas brasileiros caíram em algum golpe de phishing, ficando à frente da Austrália, que registrou 21,79% dos usuários de internet atacados, e da China, com 19,58%.

A orientação para evitar cair em um phishing é que de os internautas não cliquem em links suspeitos recebidos via e-mail, WhatsApp e SMS, mesmo que tenham sido enviados por pessoas conhecidas.

Mas também é importante lembrar de instalar aplicativos que estejam dentro das lojas oficiais e, de preferência, de desenvolvedores com boa avaliação; instalar um antivírus; e de que bancos e sistemas de pagamento não pedem que os usuários verifiques as suas credenciais em uma única mensagem.

Fonte: https://olhardigital.com.br/fique_seguro/noticia/brasil-e-o-pais-com-mais-ataques-de-phishing-no-mundo/72546